Dicas para manter seu bebê hidratado no inverno ♥

É de grande importância nessa época do ano se manter hidratado, pois junto com o clima frio e seco vem alguns perigos, que devemos nos atentar, então segue algumas dicas e informações.

  • Facebook
  • Twitter
  • Google+
  • LinkedIn

HIDRATAÇÃO – Nosso corpo é formado por 70% de água e no inverno sentimos menos sede, mas precisamos se hidratar do mesmo jeito e acabamos esquecendo de tomar água e de oferecer para nosso pequeninos também porque eles não vão pedir. Caso a criança tenha alguma dificuldade em a criança tomar água ofereça sucos de frutas naturais e até água de coco.

A quantidade correta de água que o bebê precisa deve ser calculada levando em consideração o peso da criança. Veja na tabela a seguir:

  • Facebook
  • Twitter
  • Google+
  • LinkedIn

 

QUANTIDADE DE ÁGUA X IDADE

  • ATÉ 6 MESES – O bebê que mama exclusivamente no seio da mãe até aos 6 meses de idade não precisa de água, porque o leite materno é constituído por 88% de água e possui tudo o que o bebê precisa para saciar a sede e o apetite. Desta forma, sempre que a mãe amamenta, o bebê está bebendo água através do leite.

A necessidade média diária de água para bebés saudáveis até aos 6 meses de idade é de cerca de 700 ml, mas essa quantidade é completamente obtida através do leite materno se a amamentação for exclusiva. Porém, se o bebê se alimenta apenas com leite em pó, é necessário dar cerca de 100 a 200 ml de água por dia aproximadamente.

  • 7 A 12 MESES – A partir dessa idade junto com os alimentos, a necessidade de água do bebê é de cerca de 800 ml de água por dia, sendo que 600 ml deve de ser na forma de líquidos como leite, suco ou água.
  • 1 A 3 ANOS – As crianças entre 1 e 3 anos precisam tomar cerca de 1,3 litros de água por dia.

É importante notar que estas recomendações estão direcionadas para o bebê saudável que não apresenta desidratação por diarreia ou outro problema de saúde. Assim, se o bebê estiver com vômito ou tendo diarreia é importante oferecer ainda mais água. Neste caso, o ideal é observar a quantidade de líquidos perdida através do vômito e da diarreia e logo a seguir oferecer a mesma quantidade de água ou soro caseiro.

No inverno, a quantidade de água não pode ser menor do que a que está acima recomendada, para compensar a perda de água através do suor devido as camadas de roupas e evitar a desidratação. Para isso, mesmo sem a criança pedir, deve-se oferecer água, chá ou suco natural à criança ao longo do dia, várias vezes ao dia.

 

AMAMENTAÇÃO – Cerca de 88% do leito materno é composto de água, além de ser um alimento completo e rico em diversas substâncias necessárias para o funcionamento saudável do organismo do bebê, é o que explica Mercedes Sakagawa, nutricionista responsável pelo Banco de Leite do Hospital e Maternidade Santa Joana. “Neste caso, pode-se dispensar o oferecimento de qualquer outro líquido para o recém-nascido, pois os que mamam no peito dificilmente apresentarão sinal de desidratação”.

NUTRIÇÃO – Agora no tempo do frio, nosso corpo para se manter quente queimamos mais calorias, das crianças também a mesma coisa, Então é bom reforçar a alimentação deles, claro que com produtos saudáveis, como frutas e iogurtes.

HIDRATANTES – A pele resseca no tempo do frio, podendo a criança ficar com a pele irritada. É bom passar creme hidratante e óleos para bebês depois de dar banho. Alguns recomendados são de camomila e calêndulas que ajudam a acalmar e garantem uma noite tranquila.

ROUPINHASNosso clima está cada vez mais bagunçado, amanhece frio e no decorrer do dia pode esquentar, chover e ventar. Podemos ter as 4 estações do ano em 1 dia só, então a melhor opção é vestir o pequeninos com várias camadas finas de roupas que conforme o tempo for mudando podemos ir tirando ou pondo as roupinhas neles, a criança transpirando muito vai exigir que ela beba mais água, e nisso ajudamos a controlar para manter a criança hidratada.

USAR UMIDIFICADOR – O Tempo seco e frio ataca tosse nas crianças e tem uma leve tendência em fazer o nariz das crianças sangrarem. É sempre bom ter um umidificador no quarto ligado em média de 2 a 3 horas todas as noites, o ambiente ficará úmido evitando problemas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This